Sobre tudo que está acontecendo

maio 30, 2022

 

      Eu produzo conteúdo para internet desde 2014, mas algumas coisas nunca couberam aqui. Algumas ficaram bem guardadas porque elas não cabiam no personagem que é a Ana do dia. A verdade é que eu nunca dei tudo de mim nesse trabalho, porque "tudo de mim" significava compartilhar com vocês partes da minha vida que não engajam, que não geram likes ou compartilhamentos. Uma vez uma amiga me disse "parece que são duas pessoas diferentes, a da vida real e a Ana do dia". Eu pensei sobre isso por muito tempo, mas só fui entender mesmo na terapia. A Ana do dia é especial, recebe atenção, ajuda as pessoas, tem um vida ótima, mesmo que ela compartilhe alguns deslizes com vocês, tipo uma garrafa de vinho que quebrou ou uma travessura do Bartolomeu e da Frida. A Ana Laura faz terapia, tem prazos, contas, ansiedade e tem sonhos que foram ficando tão pra trás que parecem impossíveis agora. A Ana Laura sonhava em ser jornalista de moda, ela queria trabalhar em uma grande revista, inspirar pessoas e contar histórias. Mas ela se tornou a Ana do dia, que produz conteúdo com "dicas de looks para parecer mais magra". Por anos eu te lembrei de ser (e vestir) quem você quiser ser. Mas eu não estava sendo eu mesma. Pois é. Por isso aqui vai uma revelação bombástica: a Ana Laura e a Ana do dia são pessoas muito diferentes e muitas vezes elas nem se dão bem. 

     Eu sei, o curso e todos os conteúdos ajudaram muita gente. Fico tão feliz quando recebo mensagens de vocês dizendo que meu conteúdo te tocou de alguma forma. O mínimo que seja. Mas ainda assim esse é um conteúdo que não reflete quem eu sou. Ele é feito no automático, seguindo tudo que eu aprendi com gurus de marketing, uma fórmula pronta que tem como único objetivo engajar. E eu me acomodei. Esse formato deu certo por um tempo e virou minha principal fonte de renda, então mudar significaria arriscar tudo. E eu adiei isso por muito tempo. 

     No começo do ano passado eu não estava em um momento muito bom da minha vida. Meu psicológico estava péssimo, então eu busquei a terapia. Muitos meses depois percebi que toda essa (péssima) situação se refletiu no meu corpo, e eu decidi cuidar dele. Eu estava acima do peso, não me reconhecia mais no espelho. Então perdi quase 8kg. Eu senti que havia retomado as rédeas da minha vida e eu estava cuidando de mim. Tendo feito as pazes com mente e corpo, foi a vez de analisar o meu trabalho. O que eu estava fazendo da minha vida? A Ana Laura de 2014 queria fazer diferença e ali estava eu produzindo mais do mesmo. Criando algo dentro de uma fórmula definida por outra pessoa, um conteúdo vazio e sem propósito nenhum. Então eu vi que eu estava errada. Eu achava que tinha retomado as rédeas, mas na verdade eu estava mais perdida do que nunca. 

     Tudo muda e a minha forma de me expressar mudou também. Talvez você tenha percebido que eu estou mais quietinha nos últimos dias, acontece que eu ainda estou tentando me entender. Ainda estou tentando descobrir onde Ana do dia e Ana Laura finalmente vão se encontrar. Então é isso, deixo aqui esse texto como um lembrete para mim (e para você) de que eu preciso agradar a mim mesma e não ao algorítimo. Eu não sei muito bem o que vai acontecer daqui pra frente, não sei que tipo de conteúdo quero produzir e nem como isso vai impactar em número de seguidores ou curtidas. Sendo bem sincera, nesse momento eu nem me importo com isso e é libertador! Não entenda errado, eu ainda quero crescer na internet, mas quero fazer isso compartilhando a minha forma de ver o mundo e não te ensinando a usar pantalona. Eu quero te contar sobre as minhas inseguranças, sobre o momento em que eu parei de me sentir bem no meu próprio estilo ou sobre todos os planos que eu tenho para o futuro. 

     Eu to perdida, mas queria muito ter você comigo nessa jornada para me encontrar. Mas se você não quiser, tudo certo. Eu entendi que nem todo mundo vai gostar desse novo processo e eu estou disposta a arcar com as consequências. Repito: eu não faço ideia do que eu vou fazer daqui pra frente, mas garanto que vou colocar o meu coração em tudo que eu fizer. 

     Ah, e eu to muito orgulhosa de mim por ter dado esse passo. ♥

Você também vai gostar

10 comentários

  1. Estou passando por um processo parecido, tbm estou fazendo terapia. E me cansei de ficar escrava de algoritmo. Mas enfim vou me achar,e tenho certeza que você tbm vai. 😍😘

    ResponderExcluir
  2. Parabéns filha vc é muito especial e tudo que for fazer eu acredito que será muito bem feito, tudo que fazemos com prazer o resultado é maravilho, estou precisando dessa coragem e pensar mais em mim. bjs

    ResponderExcluir
  3. Amiga querida! Isso é tão comum entre nós que trabalhamos com internet. Não se sinta só, eu também ainda questiono muito do meu propósito/conteúdo pela internet. E sim essa briga de “duas personalidades” vira e mexe também me assombra. A famosa síndrome do impostor sabe?

    Amo a Ana Laura e a Ana do Dia, tenho certeza que quando encontrar a fusão delas será ainda melhor pra você e para nós que gosta de te assistir.

    Conte sempre comigo!

    @nattyoliveiea

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela sua coragem de recomeçar, estaremos aqui com você sempre .

    ResponderExcluir
  5. Eu estava prevendo isso. Estava muito quietinha. Mas a vida é assim mesmo, o importante é enxergar que chegou a hora de uma mudança e bora lá!! Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Você é incrível e tenho crtz que vai achar seu ponto de equilíbrio.
    Não conheço muito a Ana Laura, apenas a Ana do Dia (que inclusive me ajudou mto com o curso) mas estamos aqui dispostas a conhecer e tenho crtz que ela é mto parecida com a maioria dos seus seguidores.
    Que essa nova fase seja de muita luz ✨ Bjs 😘

    ResponderExcluir
  7. Gosto de pessoas reais e esse seu depoimento só fez me dar certeza que vc é mesmo de verdade, que ser transparente e fiel a si mesmo é sempre o melhor. Orgulho de vc, orgulho de ser aluna do seu curso. Torço muito por você

    ResponderExcluir
  8. Conheci seu blog pelo pinterest e acabei vindo parar nesse texto. Estou passando por uma questão parecida com a sua. Espero que consigamos encontrar o caminho que faça sentido! Um abraço.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Já que chegou até aqui, deixe seu comentário e me conta o que você achou do post! ♥

ASSINE A NEWSLETTER

E conheça outras dicas para gastar menos e se vestir melhor

Popular Posts

Pinterest

Facebook