17 março 2017

Programas de turista que você precisa fazer em Santiago



     Ah, que saudades desse frio! Essa semana assisti alguns vlogs de viagens de vários youtubers diferentes. Me bateu uma vontade de viajar! Percebi que na correria, deixei passar um monte de tópicos sobre as viagens do ano passado. Eu to com tanta saudades de viajar, que acabei de assistir todos os vlogs de viagem que já fiz no canal. Você também pode conferir tudo nas tags de viagem aqui na barra lateral. 
     Conhecer o Chile foi uma das experiências mais bacanas e surpreendentes do ano. Eu não esperava muito de Santiago, mas fiquei feliz com todos os momentos bacanas que passamos por lá. Na minha opinião, devemos visitar os países pelo menos duas vezes: a primeira como turista, fazendo todos os passeios clichês, e na segunda como residente, apenas aproveitando e conhecendo locais fora da rota. Bom, eu só conheci Santiago como turista, e pra te ajudar no seu planejamento de viagem, vim te contar lugares que você não pode deixar de fora. 


     O centro velho de Santiago
     Eu costumo gostar muito do centro velho das cidades. Por exemplo, o centro velho de São Paulo é uma zona. Tão suja que da até vergonha de apresentar aos turistas. Mas é uma região que eu torço muito para que seja revitalizada. Sou completamente apaixonada pela arquitetura de lá. Meu queixo cai toda vez que eu entro na catedral da Sé.
     Assim como São Paulo, o centro velho de Santiago é também o centro financeiro. Por lá ficam a Plaza de Armas e o Palácio da la Moneda. Cheguei a dizer pro Gustavo, em uma rua ou outra, que aquela era uma versão do centro de São Paulo melhorada.



      Os Cerros
     Santiago possui alguns cerros com vistas belíssimas. Esse da imagem é o Cerro Santa Lucia, que ficava quase que na rua do nosso apartamento e eu não consegui visitar a tempo! Mas, fomos no Cerro San Cristóbal, que é um pouco mais alto e lindíssimo. São passeios baratos e ideais pra quem gosta de atividades ao ar livre.


       Coma no Mercado Central de Santiago
    Um dos maiores 'pega turista' em que caímos. As coisas no mercado central são caríssimas. Pagamos quase R$200 em uma Centóia, esse carangueijo gigante que nem é tão gostoso. Mas foi uma experiência super bacana. Te aconselho a comer outra coisa, um ceviche talvez. Mas a atmosfera é deliciosa. Bem semelhante ao Mercadão de São Paulo, que eu adoro. Estão percebendo um padrão, né? hahaha


      Visite os Museus
     Santiago tem vários museus, e são todos bem perto. Infelizmente só visitamos o Museu Belas Artes, que é uma experiencia bem bacana para conhecer mais artistas locais. No geral é um passeio barato, ou até mesmo gratuito. Sem muitas filas, silencioso e tranquilo. Foi com ele que fechamos a viagem, e adoramos.

     Quer um conselho bônus? Se perca! Eu sou rainha de me perder por aí. Erro ruas, desço na estação errada do metro e odeio mapas. Mas é assim que a gente acaba conhecendo lugares inusitados. Viajar é delicioso, e seja clichê ou roots, vai te tornar uma pessoa melhor no final de tudo. 

3 comentários

  1. que lindo post! Eu tenho tanta vontade de conhecer lugares e culturas diferentes! estou tão ansiosa pelas minhas férias
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Adoreeeei o post! E as fotos estão lindas
    Instagram @brunaestiloitgirl
    Blog | Facebook | Twitter | Canal Youtube 
    Beeijos (:

    ResponderExcluir
  3. Que lugares lindos.

    http://www.blogsecretplace.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!
Já que chegou até aqui, deixe seu comentário!
Se me seguir, me avise. Retribuirei com o maior carinho! ♥